Rio de Janeiro se consolida como destino cervejeiro mundial

Notícias recentes sobre o que acontece de mais importante voltar

O Rio de Janeiro conquistou o sétimo lugar no ranking de principais destinos para uma beervacation em 2018, divulgado pelo site Vinepair. O fenômeno mundial das cervejas artesanais ampliou o leque de locais referência para a degustação das bebidas, atualmente, uma série de cidades menos óbvias vem ganhando destaque.

A cidade vive o dilema do reconhecimento internacional conflitando com a falta de legalidade no processo de fabricação. Entretanto isso não impede as mais de 200 marcas registradas a compartilhar de suas criações pelas ruas cariocas.

Na última década, de acordo com empresários do ramo, houve um crescimento de 900% na quantidade de cervejeiros no Estado, setor que ainda dispõem de grande potencial. Quando comparados às grandes indústrias tradicionais, os resultados das artesanais são baixos, responsáveis por 1% dos quase 14 bilhões de litros produzidos em 2017. De acordo com os produtores regionais, os números reduzidos são reflexos de uma má distribuição, associado à falta de familiaridade do público com os produtos.

Uma das pioneiras no setor, a rede Pão de Açúcar é grande investidora do movimento; O mercado disponibiliza uma gestão específica para o melhor entendimento do consumidor sobre os diferentes estilos e variações de sabores das cervejas artesanais, aclimatando os fregueses às centenas de IPA, APA e Weiss- tipos de cervejas- expostas em suas prateleiras.

A Cidade Maravilhosa é muito bem representada por cervejas jovens como a Hocus Pocus, Three Monkeys e 3Cariocas, algumas das marcas de maior destaque ultimamente na região. Além de sabores locais, diversas opções internacionais se reúnem em grandes eventos cervejeiros, como no Mondial de la Bière, atração especial, em sua sexta edição, para os verdadeiros amantes da bebida.

Ao lado de outros locais emergentes no cenário cervejeiro, o Rio de Janeiro mostrou seu potencial e promete aproveitar a singularidade do movimento.

 

Fonte: Panrotas